Foto: Divulgação/SETRAN

O barulho alto e incômodo provocado por algumas motos é resultado de adulteração no escapamento do veículo, o que configura infração de trânsito. A irregularidade é um dos itens observados nas operações de fiscalização realizadas pelas equipes da Superintendência de Trânsito e da Guarda Municipal.

Nesta sexta-feira foi realizada uma destas blitz de fiscalização no bairro Boa Vista. Na ação duas motos foram retidas pelas equipes.

O diretor de Fiscalização da Setran, Wagnelson de Oliveira explica que se a infração for flagrada, a moto fica retida até que o dono corrija o problema.Ele explica que escapamentos esportivos são aceitos pelo Código Brasileiro de Trânsito mas os adulterados são irregulares.

A adulteração no escapamento do veículo está caracterizada no artigo 230 (inciso XI) do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), que dispõe sobre “conduzir o veículo com descarga livre ou silenciador de motor de explosão defeituoso, deficiente ou inoperante.”

O diretor de fiscalização da Setran, alerta que a adulteração de escapamentos em moto, acarreta ao motorista infração de natureza grave, com perda de cinco pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), e multa.

 A blitz desta sexta resultou ainda na remoção de outras 22 motos e de sete automóveis, totalizando 31 remoções por irregularidades diversas. Foram emitidos 47 autos de infração, entre as 137 abordagens realizadas.

Ações como esta continuarão a ser realizadas na capital.

Repórter Vanessa Fernandes