Veículos sem licença para trabalhar com serviço de motofrete foram alvos de fiscalização conjunta deflagrada pela Superintendência de Trânsito (Setran), Urbs (Urbanização de Curitiba S/A) e Guarda Municipal, na manhã desta terça-feira (5/2).

Em 109 abordagens, foram emitidos 47 autos de infração de trânsito e 22 veículos foram removidos, com o apoio do serviço de guincho da Prefeitura. Entre os removidos estavam 21 motos e um táxi.

“Uma moto foi removida por mau estado de conservação, outra por estar com a placa ilegível. As demais apresentaram problemas no licenciamento obrigatório”, informa o coordenador de Fiscalização da Setran, Alvacir Mendes. Já o táxi estava com o licenciamento de 2018 em atraso.

A ação foi desencadeada na Praça Tiradentes, no Centro, local com grande concentração de veículos que ofertam o serviço de motofrete. Também foram aplicadas 14 multas administrativas pelos fiscais da Urbs.

Na Urbs existem atualmente cerca de 3.000 motofretes cadastrados. O cadastro pode ser feito de segunda a sexta-feira, das 12h30 às 16h30, na Rodoferroviária (Avenida Affonso Camargo, 330, Jardim Botânico).

A ficha de cadastro pode ser impressa antecipadamente pela internet e ser preenchida pelo interessado, tornando o atendimento mais rápido. A relação de documentos está no site www.urbs.curitiba.pr.gov.br.

Fonte: Prefeitura de Curitiba