Foto: Divulgação/Polícia Civil
Terrazza Panorâmico

A Polícia Civil do Paraná realizou na manhã desta terça-feira (19), uma operação para combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes.

A Operação batizada de “Proteção Integral”, cumpriu onze mandados de busca e apreensão em oito cidades do Estado – Curitiba, Almirante Tamandaré, Londrina, Foz do Iguaçu, Cascavel, Palmas, Pato Branco e Cambé.

De acordo com o delegado José Barreto de Macedo Junior, coordenador da operação todos os mandados foram cumpridos.

O delegado relata ainda que com os suspeitos, a polícia apreendeu diversos computadores, notebooks, HDs, pendrives e demais equipamentos de informática e armazenamento.

Os homens presos em flagrante na ação, estavam em posse de materiais ilegais, como fotos e vídeos de crianças e adolescentes em situação de exploração sexual, entre outros. Eles serão autuados pelo crime descrito no Artigo 241-B, do Estatuto da Criança e do Adolescente. Que trata-se de “adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente”.

O coordenador da ação explica quais devem ser as consequências para os envolvidos neste tipo de crime.

Segundo José Barreto de Macedo Junior, as investigações continuam.

A ação policial resultou na prisão em flagrante de cinco homens, e no indiciamento de outros quatro, todos com idades entre 30 e 53 anos.

Repórter Vanessa Fernandes