Operação Natal termina com menos mortes no Paraná

Operação Natal termina com menos mortes no Paraná
Foto: divulgação/PRF

Durante os cinco dias da Operação Natal 2020 – que teve início na quarta (23) e foi encerrada às 23h59 de domingo (27), agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagraram 41 motoristas dirigindo bêbados; 6 foram presos. 409 condutores ou passageiros estavam sem o cinto de segurança, além de 57 ocasiões em que crianças não utilizavam adequadamente um dispositivo de retenção, como a cadeirinha.

Ainda foram registradas 735 ultrapassagens irregulares durante o feriado, representando mais de seis flagrantes por hora de operação. Esse tipo de ultrapassagem é responsável pela maioria dos acidentes do tipo colisão frontal, onde o motorista não consegue efetuar em tempo a manobra de ultrapassagem e bate de frente com o veículo que vem no sentido contrário.

Menos mortes

A PRF registrou 92 acidentes, 116 feridos e 6 mortos. O total de mortes registradas pela PRF no estado é 60% menor ao verificado no Natal de 2019, quando 15 pessoas perderam a vida. Na operação do ano passado, outras 159 pessoas ficaram feridas e 121 acidentes foram atendidos. Os dados são preliminares e podem sofrer alterações.

Fiscalizações

Foram fiscalizadas 12.236 pessoas e 11.795 veículos. 3.225 infrações foram registradas pelos policiais, nos cerca de quatro mil quilômetros de rodovias federais que cruzam o Paraná. No total, 251 veículos foram recolhidos, por diferentes irregularidades.

Drogas

Além disso, foram apreendidos pelos policiais rodoviários federais no Paraná mais de 1,5 tonelada de maconha, 36 quilos de skunk e 37 pessoas foram detidas por diversos motivos.

Repórter: Lucian Pichetti


Polícia Militar lança Operação Natal no Paraná