Foto: Divulgação/Polícia Federal
Terrazza Panorâmico

Dez pessoas foram presas desde o início da manhã desta quinta-feira (27) em uma operação deflagrada pela Polícia Federal, em Guaíra, no oeste do Paraná, contra uma organização criminosa suspeita de contrabando.

Foram expedidos 11 mandados de prisão preventiva, mas, um dos alvos ainda não foi localizado, segundo a Polícia Federal.

Também foram cumpridos 8 mandados de busca e apreensão, todos em Guaíra. Os policiais federais encontraram armas e dinheiro com os alvos.

De acordo com as investigações, o grupo criminoso é responsável pela importação ilegal de produtos do Paraguai por intermédio do transporte fluvial. Geralmente, as mercadorias contrabandeadas eram cigarros e eletrônicos.

A investigação teve início a partir de ação da Polícia Federal que prendeu em flagrante sete indivíduos descarregando cigarros de origem estrangeira de barcos atracados em um porto clandestino instalado nas proximidades do Núcleo de Polícia Marítima da Polícia Federal em Guaíra.

Cerca de 40 policiais federais participaram do cumprimento das ordens judiciais, expedidas pela 1ª Vara Federal de Guaíra.

Os investigados devem responder por crimes como contrabando, descaminho, corrupção de menores e organização criminosa.

Repórter William Bittar