Painel Covid: número de casos ativos é o mais alto da pandemia

Painel Covid: número de casos ativos é o mais alto da pandemia

Nesta sexta-feira (27) quando Curitiba decretou a bandeira laranja, com medidas mais restritivas no combate à Covid-19, o balanço semanal, chamado de Painel Covid apresentado pela Secretaria Municipal de Saúde, aponta o total de 73.444 casos, 1.678 mortos e uma taxa de letalidade de 2,3%.

De acordo com o Painel Covid, a capital têm atualmente o maior número de casos ativos desde o início da pandemia, são 12.973 pessoas que estão com a doença e podem transmitir o vírus.

Na atual semana epidemiológica, Curitiba tem o maior número de casos confirmados por dia, o que fez com que a média móvel desta semana subisse para 737 casos, a maior média desde o início da pandemia em março.

A taxa de reprodução da Covid-19 está em 1,22 de acordo com os dados do Painel. Lembrando que a doença está controlada, quando a taxa de reprodução é inferior a 1.

O coeficiente de incidência da Covid-19 em Curitiba está em 3.799,3 por 100 mil habitantes. Dois distritos sanitários se destacam no Painel Covid por apresentar incidência média maior do que a da capital. São os distritos do Pinheirinho, que tem incidência de 4.270,4 por 100 mil habitantes e o da CIC que está com 3.806,1 de incidência.

O Painel Covid mostra ainda que as mais acometidas pela doença na capital foram as mulheres, na faixa de 35 a 39 anos com 4.523 casos.

Entre os 73.444 casos de Covid-19, confirmados até o momento em Curitiba, 9,4% precisaram de internamento. A maior parte destes internamentos ocorreu em pacientes com mais de 60 anos.

Das 1.678 mortes registradas até o momento na capital, em 96% dos casos os pacientes possuíam ao menos um fator de risco para a Covid-19. O maior número de vítimas fatais são mulheres, o equivalente a 57% e 78% tinham mais de 60 anos.

Nesta sexta-feira, quando estão ativados em Curitiba 339 leitos de UTI SUS exclusivos para a Covid-19, a taxa de ocupação está em 93%.

Repórter Vanessa Fernandes