Foto: EBC
Terrazza Panorâmico

Após um mês com saldo negativo na geração de emprego, o Paraná voltou a criar postos de trabalho. De acordo com o Caged de abril, o estado gerou 10.653 vagas de emprego ao longo do mês, crescimento importante em comparação ao fechamento negativo de março, onde o Paraná fechou 1.211 postos de trabalho.

Em comparação ao mesmo período do ano passado, o Paraná também mostrou evolução, tendo gerado 1.425 postos de emprego a mais que abril do ano anterior. O setor de Serviços foi o principal gerador de empregos no estado em abril, tendo criado 5.627 postos de emprego. O setor de Agropecuária teve o pior desempenho, tendo fechado 42 postos de trabalho neste mês.

Curitiba foi o município que teve o melhor saldo de criação de emprego, com 3.618 postos de trabalho criados, seguido por Maringá, que criou 933 postos de trabalho, e Cascavel, que criou 657 postos de trabalho em abril. Além de Curitiba, outras duas cidades que estão entre as cinco que mais geraram emprego no Paraná fazem parte da Região Metropolitana. São José dos Pinhais e Colombo fecham a lista dos cinco principais municípios em geração de emprego no mês de abril, com 467 e 447 postos criados respectivamente.

Os dados do Caged são divulgados mensalmente pela Secretaria de Trabalho, órgão vinculado ao Ministério da Economia.