O Podemos, após convenção realizada neste sábado (4), na sede do Paraná Clube em Curitiba, confirmou em aclamação encaminhada pela presidente nacional do partido deputada federal Renata Abreu que o candidato à presidência da República pelo partido será o senador paranaense Álvaro Dias.

Durante a semana já haviam declarado apoio a candidatura de Álvaro Dias o PTC, PRP e o PSC que indicou o candidato a vice-presidente, o economista Paulo Rabello de Castro.

Álvaro Dias disse que já convidou para compor sua equipe de governo, caso seja eleito, três juristas, Miguel Reale Junior, que esteve na convenção, René Dotti e Modesto Carvalhosa.

Segundo Dias, é preciso mudar a legislação brasileira para mudar o país.

Outro anúncio foi do nome do juiz federal Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, para o cargo de Ministro da Justiça.

Questionado sobre quem o partido apoiaria ao governo do estado do Paraná, Álvaro Dias foi enfático ao dizer que não apoiaria nenhum candidato ao governo. Dias frisou ainda que a desistência do irmão Osmar Dias em disputar o governo do Estado não tem nenhuma relação com o apoio ou não do Podemos.

Participaram da convenção, segundo os organizadores,  aproximadamente 2.000 pessoas.

Repórter Vanessa Fernandes

Deixe seu comentário