O Podemos, partido de dois dos três senadores paranaenses, realizou reunião de trabalho nesta terça-feira (30), para traçar estratégias com vistas às eleições municipais de 2020.

A reunião foi presidida pelo presidente estadual da legenda Marcelo Almeida e teve a participação do senador Álvaro Dias, do deputado federal Diego Garcia e do deputado estadual Galo.

Estiveram na pauta, além das diretrizes para as próximas eleições, questões relevantes no cenário político nacional e estadual, como a reforma da previdência que será votada em segundo turno na Câmara ainda neste semestre.

A expectativa do deputado federal Diego Garcia, é que a votação em segundo turno da reforma da previdência, possa ser realizada ainda na primeira semana dos trabalhos legislativos, que iniciam no dia 5 de agosto.

Diego Garcia destaca como positiva as alterações no texto original da reforma conquistada pelos parlamentares, e especialmente pela bancada do Podemos, que retiraram e alteraram pontos que tratavam da aposentadoria rural e da idade mínima para aposentadoria. Para o deputado, as mudanças no que se refere à idade mínima trarão maior equidade social a todos os trabalhadores.

O deputado ressaltou ainda que a falta de diálogo do governo federal com a Câmara Federal foi um dos fatores que dificultou uma aprovação mais rápida da reforma da previdência. Garcia apontou como ponto positivo a mudança de comportamento, no loteamento de cargos nos ministérios e estatais, que neste governo não foram indicados por deputados e senadores.

O deputado acredita que ainda no início do segundo semestre de 2019, sejam discutidos e votados projetos como a reforma tributária e o pacote anticrime.

Para o senador Álvaro Dias a reforma da previdência está atrasada. Dias também destacou a falta de diálogo com a bancada como responsável por esse atraso.

Álvaro Dias disse ainda que o ponto positivo da reforma da previdência é a redução do déficit, mas acima de tudo garantia de poder pagá-la aos beneficiários.

O partido se organiza para as próximas eleições, com o objetivo de ampliar a bancada de vereadores em todos os municípios paranaenses. Nas eleições majoritárias, as discussões iniciaram nesta terça-feira, para avaliar em quais municípios serão lançadas as candidaturas próprias.

O deputado estadual Galo, ressaltou que as discussões foram iniciadas e que o partido irá participar das eleições municipais da capital em 2020. Galo disse que ainda é cedo para precisar se com candidatura própria ou apoio a outro candidato, mas a participação nas eleições de Curitiba em 2020 é certa.

Entre os políticos paranaenses eleitos pelo Podemos nas últimas eleições, estão além do senador Álvaro Dias, o deputado federal Diego Garcia e o deputado estadual Galo, que acompanharam a reunião com o presidente estadual da legenda Marcelo Almeida, o senador Oriovisto Guimarães.

Repórter Vanessa Fernandes