Foto: Divulgação/Polícia Civil
Terrazza Panorâmico

A Polícia Civil cumpre oito mandados de prisão e seis mandados de busca e apreensão em uma operação para desarticular uma quadrilha especializada em extorquir proprietários de veículos. A Operação “Boi na Linha” acontece desde a madrugada desta quinta-feira (14) em Curitiba, Londrina, Rolândia e Jaguapitã.

Durante quatro meses foram investigadas pessoas que se associaram com intuito de cometer extorsão via telefone contra vítimas que tiveram seus veículos furtados ou roubados.

Foram identificadas oito pessoas deste grupo de infratores, contra as quais foram expedidos mandados de prisão temporária e busca e apreensão.

O delegado Eric Tutia Guedes, da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV) de Curitiba, responsável pelas investigações, ressalta que quatro pessoas já foram presas nesta manhã e todos utilizavam contas “laranjas” para que as vítimas do golpe fizessem os depósitos.

A CBN Curitiba conversou com uma pessoa que foi vítima de um golpe assim. Ela não quis gravar entrevista, mas encaminhou alguns dos áudios recebidos em que um homem fazia a cobrança e ameaçava que, se não recebesse o dinheiro, colocaria fogo no veículo.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, os criminosos se utilizavam das redes sociais e outras informações privilegiadas para contatar as vítimas e assim pediam uma quantia em dinheiro para “devolver” o veículo, mas na verdade, o carro não estava em posse deles, tipificando o crime de extorsão.

Repórter William Bittar