Crédito: AEN

Os Portos do Paraná responderam por 19% das exportações do complexo soja brasileiro em 2019. Os dados da Balança Comercial do Agronegócio foram divulgados pelo Ministério da Agricultura.

Entre os meses de janeiro e abril, o Brasil exportou 31,6 milhões de toneladas de soja em grãos, farelo e óleo. Destas, 6 milhões saíram pelos portos paranaenses.

O complexo soja continua sendo o principal segmento das exportações do País. O embarque do produto em grão foi recorde, com 15% do total: quase 4 milhões via Porto de Paranaguá.

Em farelo de soja, o Paraná respondeu por 36% do total nacional. E na movimentação de óleo de soja, a participação paranaense chegou a 88%.

O grupo de produtos florestais foi o segundo principal setor exportador do agronegócio brasileiro. O principal produto exportado pelo setor foi a celulose, com 8,5% do total, equivalente a 298 mil toneladas.

O terminal de Paranaguá se mantém como o principal porto brasileiro na exportação de frango congelado. Ele respondeu por mais da metade das vendas externas do produto, com 649 mil toneladas embarcadas.

O milho embarcado no Paraná corresponde a 13% do produto comercializado pelo Brasil no exterior: foram 898 mil toneladas.  E o complexo sucroalcooleiro, que tem como principais produtos o açúcar e o álcool, respondeu por 9% das exportações.

Já em relação às importações, os principais produtos do agronegócio que entraram no Brasil pelos Portos do Paraná foram o trigo, com  9% do total, e o malte, com 15%.

Repórter Marcelo Ricetti