Foto: Reprodução/SMCS

O prefeito Rafael Greca sancionou, nesta quinta-feira (29), o reajuste salarial de 3% proposto pela Prefeitura de Curitiba e aprovado pela Câmara Municipal de Curitiba nesta semana.

A assinatura, no gabinete do prefeito, teve a presença do presidente da Câmara Municipal, Sergio Balaguer (Serginho do Posto) e dos vereadores Bruno Pessuti, Geovane Fernandes, Helio Wirbiski, Mauro Bobato, Mauro Ignacio e Pier Petruzziello.

O vice-prefeito e secretário de Obras Públicas, Eduardo Pimentel, o secretário de Governo Municipal e presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur, e o secretário de Finanças, Vitor Puppi, também acompanharam a assinatura que sancionou o reajuste.

Curitiba é uma das poucas capitais a conceder reajuste aos servidores municipais, que recebem em dia, sem parcelamento do pagamento dos salários.

Na primeira quinzena de dezembro, os cerca de 28 mil servidores receberão, em folha de pagamento suplementar, o valor correspondente ao reajuste, que será aplicado sobre o salário do mês de novembro e sobre o 13° salário de forma proporcional.

Os 15 mil aposentados e pensionistas ligados ao IPMC, o Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Curitiba, também receberão o reajuste. O impacto na folha de pagamento será de R$ 120 milhões em 2018 e em 2019.

A lei do reajuste de 3% aprovada pela Câmara Municipal mantém a data-base dos servidores no dia 31 de outubro.

Da redação com informações da Prefeitura de Curitiba