Foto: Reprodução / CMC
Foto: Reprodução / CMC
Foto: Reprodução / CMC

A iniciativa é do deputado Luiz Claudio Romanelli, do PSB. Ele disse que vai apresentar o projeto no início de fevereiro, logo após o retorno das atividades legislativas. A ideia é liberar e regulamentar a venda da cerveja nos estádios em todo o Paraná. De acordo com o deputado, o assunto precisa ser debatido na Casa. Ele reconhece que haverá polêmica, mas acredita ser possível aprovar o projeto.

O deputado também sabe que enfrentará resistência de alguns parlamentares, principalmente da chamada ‘bancada evangélica’. Romanelli disse que os torcedores estão sendo prejudicados com a proibição da cerveja. Ele afirmou ainda que a bebida não é a responsável pelos casos de violência no futebol.

De acordo com Romanelli, há muita hipocrisia em torno da proibição da cerveja. Isso porque, atualmente, a bebida só não é vendida em jogos de futebol. Nos demais eventos em estádios, como shows, UFC, e partidas de vôlei, a cerveja é comercializada normalmente. Além disso, é possível consumir a bebida do lado de fora dos estádios.

A Câmara Municipal de Curitiba também discutiu o assunto em 2015. Um projeto de lei que liberava a venda da cerveja nos estádios da capital chegou ao Plenário, foi aprovado em primeiro turno, mas na segunda discussão, muitos vereadores voltaram atrás e mudaram o voto. Com isso, a proposta acabou rejeitada e arquivada.

Repórter: Tabata Viapiana

Deixe uma mensagem