Foto: Pixabay
Pela sua refrescancia e riqueza de sabores, Cervejas do estilo Saison são ótima opção para os dias quentes.
Da família das Ales (cervejas de alta fermentação), o estilo é típico do Sul da Bélgica, mais especificamente da região de Wallonie.
O nome significa “estação do ano”, em tradução livre do francês, e foi dado porque a cerveja era produzida durante o inverno e primavera, sendo guardada para ser consumida no verão.
Tudo isso antes de existirem os equipamentos de refrigeração, o que tornava inviável a produção quando esquentava.
A técnica de feitura para isso tinha que ser diferenciada. A bebida deveria ser robusta, para aguentar o tempo de armazenamento, mas sem perder o caráter leve.
É um estilo muito diversificado – na época das fazendas, cada fazenda fazia a sua do seu jeito. Mas em comum tem um caráter cítrico, final seco e é refrescantes.
Não é incomum o uso de frutas, temperos e condimentos nesse estilo. Pode também ter um caráter levemente ácido e até meio selvagem, do uso de outros microorganismos na cerveja.
  • Exemplar clássico
  • St. Feullien Saison
  • Exemplares com fruta
  • Bodebrown Saison apricot – com damascos
  • Exemplares com outros microorganismos
  • Tupiniquim Saison de Caju – caju e brettanomyces
  • Way Beer Mandaçaia – Mel e brettanomyces
Ouça a coluna “Sexta é dia de Cerveja”, desta sexta-feira (16), com o jornalista e sommelier Luis Celso Junior:

Deixe uma mensagem