Foto: Pixabay
O feriado do Dia do Trabalho está logo ali. E as cervejas e os trabalhadores tem uma longa história de relação próxima. Vários estilos, inclusive, nasceram desse relacionamento de longa data.
Um dos primeiros registros escritos do mundo, o código Hamurabi, da Babilônia, de cerca de 3000 AC, trazia como lei cota de cerveja diária para trabalhadores.
Trabalhador normal – 2 litros por dia
Funcionários públicos – 3 litros por dia
Administradores e sacerdotes – 5 litros por dia.
Pois é. Injustiça social desde aquela época. Vale lembrar também que naquela época a cerveja era bem diferente e bem menos alcoólica.
A cerveja sempre foi uma bebida mais democrática, mais barata, atendendo principalmente a camada mais básica da população. Mas essa relação com os trabalhadores se intensifica principalmente na Revolução Industrial.
Na Inglaterra, alguns estilos nasceram justamente para atender os trabalhadores. Um deles, o Porter, levava no seu nome justamente o nome dada aos trabalhadores do porto de Londres. Uma cerveja escura, forte, torrada, inspirada numa mistura muito popular feita pelos trabalhadores da época nos pubs locais.
Quando, na Inglaterra também, os impostos foram tachados de acordo com o teor alcoólico, os cervejeiros fizeram cervejas ainda mais leves para atender aos trabalhadores. Eram as Mild Ales, claras e escuras, que podiam ser bebidas inclusive entre as sessões de trabalho (que naquela época variavam entre 12 e 18 horas).
As Mild são de certa forma as precursoras das modernas Session Beers, cervejas de baixo teor alcoólico (no máximo 5%), leves e refrescantes, para serem bebidas em longos períodos. Podem ser Session IPA, Session Porter, Sessiion qualquer estilo…
Vou deixar aqui alguma dicas para o fim de semana:
  1. Porter – Way Beer Cream Porter – Escura – 5,6%
  2. Mild Ale – Bodebrown Cara Preta – Escura – 3,3 ABV
  3. Session Beer – Providência Session IPA – Clara – 4,7%.

Ouça a coluna “Sexta é dia de Cerveja”, desta sexta-feira (27), com o jornalista e sommelier Luis Celso Junior:

Deixe uma mensagem