Foto: Divulgação/AEN

No Dia do Trabalho, a governadora Cida Borghetti anunciou mais um nome para o seu governo. O dirigente sindical Paulo Rossi, que preside a União Geral dos Trabalhadores do Paraná e o Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Prestação de Serviços a Terceiros, vai assume a Secretaria Especial do Trabalho e Relações com a Comunidade.

É a primeira vez que um sindicalista comanda a pasta do Trabalho. A governadora justificou a escolha. Para ela Paulo Rossi tem conhecimento suficiente para ajudar nas políticas de emprego do Governo e a indicação dele é uma forma de aproximar ainda mais o Estado dos trabalhadores paranaenses.

Paulo Rossi vai atuar nas relações de trabalho e também na interlocução do governo com os movimentos sociais. Ele disse que uma das metas é criar um pacto social entre trabalhadores e empresários.

Para Manassés Oliveira, presidente do Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação de Curitiba, é importante ver o movimento sindical começar a fazer parte do Estado.

Paulo Rossi, que é natural de Paranaguá, no Litoral do Estado, é bacharel em ciência política e assumiu recentemente a função de membro do Conselho Curador do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço.

Repórter Lucian Pichetti

Deixe uma mensagem