Foto: Francielly Azevedo | CBN Curitiba

O Centro de Operações Policiais Especiais (COPE) prendeu um homem suspeito de preparar veículos para quadrilhas especializadas em roubo a banco e explosões a caixas eletrônicos. O homem, de 38 anos, foi preso em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, em posse de várias máquinas utilizadas para modificar sinais identificadores de automóveis e falsificar documentos.

O delegado-titular do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), Rodrigo Brown, explicou como as investigações chegaram até o suspeito.

Na residência do suspeito os policiais apreenderam um ácido utilizado para apagar o número do chassi de vidros de automóveis e um equipamento a laser, próprio para gravar a numeração do chassi no motor e no veículo, avaliado em R$ 70 mil.

Instrumentos e espelhos para a falsificação de documentos como RG, Carteira Nacional de Habilitação, CPF e até contas de luz foram encontrados pelos policiais.

Uma caminhonete de luxo, Ford Ranger, já com as placas adulteradas, que tinha sido roubada em janeiro, em São José dos Pinhais, foi encontrada na residência do suspeito. Segundo o homem, ele receberia cerca de R$ 12 mil pela falsificação dos documentos do veículo. O delegado Rodrigo Brown disse que o preso é suspeito de modificar veículos e prepara-los para quadrilhas especializadas em assalto a bancos e explosões de caixas eletrônicos.

O homem já tinha passagens pela Polícia Civil pelos crimes de receptação e adulteração de veículos e pela Polícia Federal por estelionato e falsificação de documentos. Ele foi autuado em flagrante e irá responder por receptação de veículo, adulteração de sinal identificador de veículo automotor, posse de apetrecho para a falsificação e posse irregular de munições.

Repórter Francielly Azevedo

Deixe uma mensagem