Foto: Cristina Seciuk
Terrazza Panorâmico

Das 09h às 11h e das 14h às 16h, quem utilizar as linhas do transporte coletivo Solar, São João, Tingui, Ahú-Los Angeles, Santa Bárbara e São Bernardo, vai pagar a tarifa reduzida de R$ 3,50.

A medida começou a valer na manhã desta quarta-feira (16) e o pagamento da tarifa diferenciada é exclusivo com o cartão-transporte usuário.

Segundo a Urbanização de Curitiba S/A (Urbs), o objetivo é implantar gradativamente a tarifa reduzida em mais linhas de ônibus. Ao todo 17 linhas devem oferecer o benefício ao passageiro.

Ainda de acordo com a Urbs, as linhas escolhidas cruzam muitos bairros, têm um bom volume de passageiros e uma diferença acentuada entre o número de usuários no horário de pico e fora dele.

Segundo o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto, todas estas linhas têm queda média de 21% a 27% nos horários entre picos, enquanto a queda média do sistema total é de 18%.

Em entrevista recente, Maia Neto reforçou que a medida trará melhoria na gestão operacional da frota, com melhor distribuição do uso dos veículos ao longo do dia, diminuindo a ociosidade do sistema.

A passagem reduzida foi possível com aprovação do projeto de lei que flexibiliza a tarifa do transporte coletivo de Curitiba, sancionado pelo prefeito Rafael Greca em setembro desse ano.

Nesta quarta, também entrou em operação a linha 773 de vizinhança Santa Rita, que liga as comunidades Santa Rita, Carbomafra, Vitória Régia e Vila Verde ao Terminal da Cidade Industrial de Curitiba.

Repórter William Bittar