Foto: Agência Estadual de Notícias
Terrazza Panorâmico
Foto: Agência Estadual de Notícias

Além de dia de protestos esta quarta-feira é também dia do consumidor.

Para marcar a data estão no ar os dados completos sobre as empresas mais acionadas junto ao Procon Paraná e os percentuais de resolução de problemas.

O cadastro é baseado nas queixas que se tornaram processos administrativos e mais uma vez o setor campeão em reclamações é a telefonia, como detalha Cláudia Silvano, coordenadora do Procon.

O levantamento indica 9.138 reclamações que não foram resolvidas em atendimentos iniciais e que renderam abertura de processos.

A lista completa pode ser encontrada no site do Procon. Na página, o consumidor deve clicar no banner “Procon-PR em números”, no canto direito da tela e, então, na aba “Cadastro de Reclamações Fundamentadas”. Você também confere AQUI a relação.

A recomendação de Cláudia Silvano é para que o a relação seja utilizada pelo consumidor como uma ferramenta a mais na escolha de fornecedores, antes de contratar.

Para que nunca precisou do Procon, uma explicação: quando o consumidor procura o órgão de defesa com uma queixa são feitas tratativas iniciais para resolver o problema sem a necessidade de procedimentos administrativas. Se isso não for possível são marcadas audiências de conciliação.

Em média 50 por dia. E elas também estão sendo afetadas pelo dia de paralisações.

Por causa da greve de ônibus todas as audiências desta quarta-feira serão remarcadas. O mesmo deve acontecer na quinta, já que a paralisação deflagrada por motoristas e cobradores é por tempo indeterminado.

A informação é de que todos os consumidores que tinham audiências foram avisados sobre a troca de datas.

 

Repórter Cristina Seciuk

Deixe uma mensagem