Foto: Joyce Carvalho

Duas horas e meia. Este foi o tempo que o vendedor Alecsandro Pacheco demorou na fila da bilheteria da Vila Capanema, na tarde desta quinta-feira. Ele quis garantir os ingressos para a partida entre o Tricolor e o Internacional, marcada para o dia 3 de outubro na Arena da Baixada.

Quem foi para a fila estava disposto a comprar vários ingressos e programar a ida em turma para a Arena da Baixada na próxima terça-feira. A professora Cricyane dos Santos tinha companhia para comprar as entradas nesta quinta-feira na Vila Capanema.

Com o time embalado na Série B do Campeonato Brasileiro, os torcedores se mobilizaram para o jogo contra o Inter, que é o atual líder da competição. O próprio clube passou a divulgar uma campanha pela presença de 40 mil torcedores na Arena da Baixada.

O jogo será disputado fora da Vila Capanema porque o Paraná Clube fez uma negociação com um investidor. O Tricolor ganhou um valor fixo pela partida, e este investidor vai ficar com a bilheteria. Houve então a ideia de alterar o local do jogo.

O fato de ser na Arena da Baixada não incomodou o torcedor paranista. José Antonio Zanoski disse que vai a todos os jogos do Paraná em Curitiba e na partida contra o Internacional não será diferente.

O Tricolor está há 10 anos seguidos na segunda divisão do Campeonato Brasileiro e existe uma confiança muito grande na equipe para conquista de uma vaga na Série A em 2018.

O bom momento do Paraná Clube até confundiu a cabeça de Alisson, de apenas sete anos, que era um dos mais empolgados na fila. Ele estava com a família e garantiu que vê todos os jogos do Tricolor.

Comemorar bastante é o que o torcedor paranista quer fazer na partida contra o Internacional. Mas, antes, o Paraná enfrenta o Figueirense, nesta sexta-feira, às 19h15, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Repórter Joyce Carvalho

Deixe uma mensagem