(Foto: TRF4)

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) abriu nesta segunda-feira (07) o concurso de remoção interna de juiz federal para escolher o magistrado que vai substituir o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, no comando da 13ª Vara Federal de Curitiba.

O início do processo de remoção foi autorizado pelo presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, desembargador Thompson Flores. Com a saída de Moro, que pediu exoneração em novembro, as ações da Operação Lava Jato, em primeira instância, passaram a ser temporariamente de competência da juíza substituta Gabriela Hardt. Ela deve permanecer no cargo até abril.

Os interessados na vaga terão do dia 11 de janeiro até o dia 21 de janeiro para se candidatar. A inscrição é feita na página eletrônica do concurso interno. De acordo com o edital, qualquer juiz federal que atue nos estados da região sul pode participar. A preferência pela vaga se dá pelo critério de antiguidade. Ao todo, 233 juízes federais estão sob jurisdição do TRF4, sendo que oito deles ingressaram no Tribunal em 1994, sendo esses ou mais antigos.

Da Redação com Assessoria de Comunicação