UFPR (2) UFPR
Foto: Site da UFPR

A Universidade Federal do Paraná alterou os locais de prova e a data da segunda fase do vestibular em função das ocupações em nove prédios da instituição. Agora, as provas específicas serão realizadas no sábado e não mais na segunda-feira. Além disso, a UFPR pediu na Justiça Federal a reintegração de posse dos prédios ocupados.

A UFPR promoveu duas mudanças na segunda fase do vestibular por causa das ocupações em nove prédios da instituição – oito em Curitiba e um no litoral. Os locais de prova em Curitiba foram transferidos para instituições privadas: a PUC, e os Colégios Bagozzi e Marista. Com isso, a data da prova específica também foi alterada, passando da segunda-feira para o sábado em todo o estado.

São 14.542 candidatos disputando a segunda fase. Cerca de 9.800 tem provas específicas, sendo 9.300 apenas em Curitiba. Todos foram impactados pelas mudanças e terão que realizar a prova específica no sábado. Somente os inscritos no curso de música farão o exame na segunda-feira, como explica o coordenador do núcleo de concursos da UFPR, Mauro Belli.

https://static.cbncuritiba.com/cbn/wp-content/uploads/2016/11/sonora-mudancas-ufpr-1-tv.aac

O custo das mudanças para a UFPR será de aproximadamente R$ 30 mil. A divulgação do ensalamento foi antecipada para amanhã. Todos os candidatos devem receber mensagens de texto com informações sobre as mudanças na data e nos locais de prova. Segundo o reitor da universidade, Zaki Akel Sobrinho, não seria possível alterar a data de toda a segunda fase, porque isso adiaria a matrícula e o início do ano letivo dos calouros.

https://static.cbncuritiba.com/cbn/wp-content/uploads/2016/11/sonora-mudancas-ufpr-2-tv.aac

No início do mês, a universidade tinha descartado a possibilidade de recorrer à Justiça para a reintegração de posse dos prédios. A ideia era dialogar com os alunos para buscar a desocupação pacífica. O reitor, no entanto, disse que não houve avanço nas negociações com os estudantes. Por isso, agora, a universidade não vê alternativa a não ser levar a discussão para a Justiça.

A UFPR já entrou com pedido de reintegração de posse dos nove espaços ocupados, além de um interdito proibitório para os prédios da Reitoria, do Núcleo de Concursos e dos locais de prova que vão ser usados para a segunda fase do vestibular.

https://static.cbncuritiba.com/cbn/wp-content/uploads/2016/11/sonora-mudancas-ufpr-3-tv.aac

O comprovante de ensalamento da segunda fase do vestibular será divulgado nesta terça-feira pelo site do núcleo de concursos da UFPR, que é o nc.ufpr.br.

Repórter Tabata Viapiana

Deixe uma mensagem