chuva-vento-temporal
Foto: Orlando Kissner
Terrazza Panorâmico

Os ventos fortes que atingiram o estado do Paraná na tarde do último sábado trouxeram prejuízos a pelo menos oito municípios e afetaram 313 pessoas. Os municípios que sentiram com mais força os ventos e a tempestade que veio a seguir foram Arapongas e Cambé, no Norte do estado; Imbaú e Ponta Grossa nos Campos Gerais e Maringá, no Noroeste paranaense.

Na região de Curitiba, além da capital, também sentiram os fortes ventos e a chuva as cidades de Quitandinha e Rio Branco do Sul. Em Rio Branco nove casas foram atingidas prejudicando a rotina de 25 pessoas.

Em Ponta Grossa 27 casas ficaram danificadas com a ocorrência do fenômeno afetando 108 pessoas, e em Imbaú 35 casas foram atingidas e 140 pessoas foram afetadas.

Em Curitiba, segundo informações da Defesa Civil Municipal, as rajadas de vento chegaram a 57 Km/h e a chuva acumulada foi de 11 milímetros.

Pelo menos 10 casas ficaram destelhadas nos bairros Barreirinha, Campo Comprido, Cajuru, Vista Alegre, Sítio Cercado, Santa Cândida e Cidade Industrial de Curitiba. Também houve destelhamento na Unidade de Educação Integral Jardim Santos Andrade, que fica no Portão.

Durante o sábado foram registradas nove quedas de árvores em vários pontos da cidade, nos bairros Boqueirão, Tatuquara, Barreirinha, Bairro Alto, Pilarzinho, Cabral, São Francisco, Mercês e Centro. Em Santa felicidade, um poste caiu no cruzamento da Via Vêneto com a Santa Bertilla Borcardin.

A URBS também informou que houve falta de energia nos terminais do Campina do Siqueira, do Campo Comprido e do Boqueirão.

Repórter Vanessa Fernandes