Foto: MP-PR
Terrazza Panorâmico

Em Braganey, na região Oeste do Paraná, o vereador Celestino Denardin (PSD) foi multado pelo Ministério Público Estadual, em R$ 30 mil. O parlamentar acessou, durante o expediente da Câmara Municipal, conteúdos pornográficos da internet.

A denúncia foi do presidente da casa, vereador Adriano Silva (PSC). A conduta inapropriada foi comprovada no inquérito civil, que foi aberto para investigar as conexões feitas a partir dos computadores da Câmara.

Ao confessar o comportamento inadequado, Celestino Denardin assinou um Termo de Ajustamento de Conduta. No documento, o vereador se comprometeu a não acessar mais, a partir dos computadores do parlamento do município, sites de natureza pornográfica.

Em nota, o presidente da casa disse que “ a Câmara de Vereadores de Braganey tomará todas as providências pertinentes, não sendo conivente, de forma alguma, com as condutas imorais praticadas por qualquer um dos vereadores que compõem o corpo legislativo”.

Repórter Marcelo Ricetti.